X
Miomas do Útero: O que há de novo na cirurgia? - Clínica Ayroza Ribeiro - Ginecologia Minimamente Invasiva
Miomas do Útero: O que há de novo na cirurgia?

A emboloterapia, ou simplesmente embolização, é uma técnica de radiologia intervencionista que se aplica clinicamente há mais de 30 anos. Basicamente, consiste na obstrução intencional de um vaso em uma determinada região anatômica para impedir que continue passando sangue neste local. A técnica de embolização tem sido empregada na medicina para corrigir numerosos defeitos como sangramentos, aneurismas, malformações vasculares, tumores, etc.


Embolização uterina

A embolização arterial vem sendo praticada desde 1991 como tratamento de certas hemorragias genitais resistentes. A partir de 1995, passou a ser também um tratamento não-cirúrgico específico para os miomas uterinos.

Trata-se de procedimento minimamente invasivo. Seu objetivo é interromper a circulação sangüínea que nutre os miomas, de modo a resolver o problema de forma rápida e duradoura, e propiciar a preservação do útero e da fertilidade.

Esta perspectiva conservadora encontra importante eco e simpatia na população feminina, graças à possibilidade potencial de aliviar os sintomas sem a perda do órgão matriz, que tem tanto simbolismo para sua feminilidade.


Leia também
Ferramenta ajuda no tratamento de endometriose profunda

Dispositivo de dissecção ultrassônica sem fio ajuda a separar tecidos comprometidos sem a necessidade de suturar, cortando e cauterizando a parte indesejada com o calor do ultrassom, de forma minimamente invasiva.




Ginecologista Helizabeth Salomão fala sobre características da endometriose

É preciso ficar atento aos sintomas da doença e investigar as causas, diz especialista




Dra. Helizabet Salomão tira dúvidas sobre métodos anticoncepcionais

Em entrevista ao programa Bem Estar, Ginecologistas ajudam na Decisão que deve ser tomada sempre com orientação do médico.




O que é endoscopia ginecológica?

A endoscopia ginecológica é uma técnica que utiliza pequenos aparelhos chamados de endoscópio para visualizar o interior do abdômen e dos órgãos genitais.